14 de setembro de 2011

Viciei em The Pretty Reckless…

E o meu mais novo vício musical se chama The Pretty Reckless. Conheci a banda alguns meses atrás, mas recentemente voltei a ouvir as músicas e agora é só o que tem tocado no meu iTunes… A banda tem pegadas de rock bem pesadas e é liderada pela super blonde Taylor Momsen, conhecida pelo seu papel no seriado Gossip girl e que, na minha opinião, canta bem para caramba. Adoro as oscilações de voz que ela faz enquanto canta e o timbre rouco que ela adota em algumas partes das músicas. Não sou muito fã do estilo dela, que é um tanto vulgar pro meu gosto, mas gosto tanto dela como cantora e das músicas da banda, que ignoro a imagem rebelde que ela tenta passar — mais ou menos como a Lady Gaga, que também recebe minha reprovação no quesito “estilo”.

A banda foi formada em 2009 e lançou seu primeiro álbum, entitulado “Light Me Up”, em agosto de 2010, através da Interscope Records. Em sua segunda formação, a banda hoje é composta por Taylor Momsen (vocais), Ben Phillips (guitarra), Max Damon (baixo) e Jamie Perkins (bateria). Deste primeiro álbum, constituído por 11 faixas, já foram lançados três singles, entre eles “Make Me Wanna Die”, “Miss Nothing” e “Just Tonight”.

Light Me Up
The Pretty Reckless
:star1: :star1: :star1: :star1: :star1:
O álbum de estreia da banda foi lançado dia 27 de agosto de 2010 e foi produzido por Kato Khandwala, co-autor das músicas de “Light Me Up”, junto com Taylor Momsen e Ben Phillips. Recheado com 11 faixas, o álbum me agradou do início ao fim, apresentando músicas bem pesadas, com batidas grunges, solos de guitarra, boas melodias, letras fortes e um cadinho depressivas e até algumas baladinhas. A primeira música, “My Medicine”, já coloca o ânimo lá em cima, passando depois para “Since You’re Gone” e “Make Me Wanna Die”, que seguem no mesmo estilo. Depois o álbum dá uma acalmada com “Light Me Up”, música que dá nome ao álbum, e “Zombie”, que tem um refrão chiclete, gostoso de ouvir. “Just Tonight”, o terceiro single da banda, é a sexta faixa do álbum e é uma música ótima de ouvir. Quando começa “Miss Nothing” e “Goin’ Down”, dá vontade de levantar para dançar, pois ambas tem ritmos contagiantes. Em seguida, vem a dobradinha de baladas do álbum, “Nothing Left To Lose” e “You”, que são lindinhas demais. O álbum termina com “Factory Girl”, que levanta o astral novamente e fecha com chave de ouro este álbum.

Quer baixar o álbum? The Pretty Reckless – Light Me Up
Achei o álbum realmente excelente. Gosto de todas as músicas, sem exceção, mas tenho as minhas favoritas… Super aconselho para quem quer conhecer músicas novas, ainda mais por ser uma banda de rock com uma mulher nos vocais. Músicas Excelentes: Since You’re Gone, Make Me Wanna Die, Miss Nothing, Goin’ Down, Nothing Left To Lose e You. Músicas Ótimas: My Medicine e Just Tonight. Músicas Boas: Light Me Up, Zombie e Factory Girl. Seguem alguns vídeos da banda. Espero que gostem! :cute:

Miss Nothing


Make Me Wanna Die

Just Tonight

Light Me Up

Para não ser injusta, vou dar os devidos créditos ao Gustavo, que foi quem me apresentou a banda. Engraçado como eu sempre gosto de tudo o que ele me indica, mas ele não parece gostar muito das minhas sugestões de músicas diferentes… Hehehe! Bom, eu sou bem eclética, então isso explica tudo! :wink:

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 comentários em "Viciei em The Pretty Reckless…"
  • o meu gosto é indiscutivel né, já o teu… /lala
    mas hoje, com teu tumblr, eu te dou créditos, precisava de algo que me animasse e tu conseguiu >.<
    brigado pelos creditos aqui (que eu tanto chorei por) fer, e por me animar mesmo que sem a intenção as vezes :)

  • Muito bom a Banda. recomendei já aos amigos. vlw por ajudar ai com a história da banda, e tau,,,,
    Taylor Momsen Impossível não gostar dela. Show.
    Me Medicine, Miss Nothing … São muito foda sem falar que a banda e ela, tem um pouco de sons de grunge mesmo, Nirvana foi umas das bandas que ela curte, e eu sou fã também. vlw parabéns.