19 de julho de 2014

Viciando com o novo álbum da Jennifer Lopez…

Recentemente, a minha musa inspiradora Jennifer Lopez apresentou ao mundo o seu oitavo álbum de estúdio, entitulado “A.K.A.” — sigla derivada do termo “also known as” e muito usada pelos americanos em geral. O lançamento oficial aconteceu no dia 13 de junho de 2014, através do selo da Capitol Records, que gravou pela primeira vez com a cantora. O álbum tem 10 faixas inéditas, enquanto a versão deluxe tem 14.

No início de 2004, Jennifer lançou dois singles promocionais para divulgar o álbum, “Same Girl” e “Girls”, sendo esta última música presente apenas nas versões japonesa e a da loja Target. O álbum conta com participação especial de diversos artistas, sendo eles French Montana (em duas músicas), Iggy Azalea, Jack Mizrahi, Tyga, Rick Ross, Nas, T.I. e Pitbull, que faz parcerias musicais com a Jen com bastante frequência.

Novo álbum de Jennifer Lopez

A.K.A. (feat. T.I.) :star1: :star1: :star1: :star1: :star0:
O álbum começa com uma pegada bem característica da Jennifer Lopez: pop-dance com batidas de R&B. “A.K.A.” é a música que dá nome ao álbum e fala sobre a mulher estar deixando o cara para trás, pois ele demorou para decidir o que queria e já nem conhece mais quem ela é agora. A faixa leva 4 estrelas, porque o refrão é extremamente contagiante e tem um ritmo legal para dançar. Bom, para dançar hip hop ou street dance, pelo menos. Estou pensando em criar uma coreografia com essa música.

FIRST LOVE :star1: :star1: :star1: :star1: :star1:
Definitivamente, esta é uma das melhores músicas do álbum. A faixa é bem dançante e marcada com batidas fortes e contínuas, revelando a voz bem doce da Jen. “First Love” foi o segundo single deste álbum e recebeu boas críticas, afirmando que a cantora soube dosar pop e hip hop em um hit de sucesso. O tema abordado é o desejo te ter encontrado anos atrás a pessoa com quem está agora, para que ela pudesse ter sido o seu primeiro amor. Só paixão essa música!

NEVER SATISFIED :star1: :star1: :star1: :star0: :star0:
“Never Satisfied” é a primeira faixa lentinha do álbum… A música constrói clímax até chegar ao refrão, mas não é tão “marcante” assim. Com uma letra doce, a faixa fala sobre não se sentir satisfeita com o amor em sua vida, no sentido de estar sempre ansiando por mais, sentindo falta do parceiro e desejando um amor mais intenso e sem fim. Mais uma típica balada que fala sobre amor… É ok.

I LUH YA PAPI (feat. French Montana) :star1: :star1: :star1: :star1: :star1:
A música começa com uns “barulhinhos extraterrestres” bizonhos (hahaha!) e então a Jen entra com a voz, seguida de batidas de hip hop. O mais legal dessa música é que a melodia dos versos é bem assimétrica, ou seja, nem todas as frases encaixam umas nas outras, a fala é meio corrida e tem uma vibe de rap. E daí chega o refrão, que faz você querer pular da cadeira e dançar… Sempre me lembro da coreografia da música e tento imitar. No final, o French Montana entra para a sua participação, pincelando a melodia com frases de rap. A música é muito contagiante e divertida! E cantar o refrão é sempre engraçado… E ah, esse foi o primeiro single de “A.K.A.”.

ACTING LIKE THAT (feat. Iggy Azalea) :star1: :star1: :star1: :star0: :star0:
Essa é uma música que eu não gostei muito no início, mas que foi ganhando um pouco mais de força conforme eu fui ouvindo mais vezes. Ela tem uma pegada bem forte de hip hop e só se destaca um pouco mais no refrão; o restante da música é bem normal. A melodia é repetitiva, bastante simples e a parte mais diferente é quando a Iggy entra para cantar. É uma faixa ok, três estrelas para ela.

EMOTIONS :star1: :star1: :star1: :star1: :star1:
Segunda balada do álbum, “Emotions” é o meu xodozinho. Só amor! Nesta faixa a gente escuta a Jen cantando notas mais longas e agudas, bastante diferente das outras músicas dela. Ainda assim, temos a presença de batidas eletrônicas e de um ritmo forte de hip hop, o que é bem característico da cantora. A letra fala diretamente comigo e tem um significado bastante especial. Ela fala sobre deixar as emoções de lado, sobre não acreditar mais em amores e contos de fada e sobre não querer se entregar ao amor, por não querer se machucar novamente. Amo, amo, amo e poderia passar horas ouvindo sem enjoar. Apaixonei desde a primeira vez que ouvi!

SO GOOD :star1: :star1: :star0: :star0: :star0:
A sétima faixa do álbum é outra que não me chama muito a atenção… Ela tem uma batida bem simétrica, igual do início ao fim. O destaque fica pela melodia em si e pelo refrão, que é ok. Geralmente é uma das músicas que eu passo para frente e não escuto até o final. Antes de terminar, ela dá uma desacelerada e a voz suave da Jen fica bem evidente. Mas não tem muita relevância pro álbum, na minha opinião.

"A.K.A.", o novo álbum da JLO

LET IT BE ME :star1: :star1: :star1: :star1: :star1:
Mais uma faixa lentinha e deliciosa de ouvir… Ela tem um ritmo mais latino e começa com um dedilhado de cordas, acompanhado de sons suaves de violino. A música é a mais romântica do álbum e te faz pensar no Caribe, velas acesas, rosas vermelhas e casais dançando tango. Bom, pelo menos é isso que eu imagino. A melodia é absurdamente linda e a voz da Jen dá um toque aveludado na música, que continua bela pelos quase 4min de duração. A faixa fala sobre o desejo de ser a pessoa escolhida como seu verdadeiro amor pelo parceiro, caso ele vá embora algum dia. É uma daquelas músicas que você não deve ouvir quando está meio deprê, pois pode resultar em lágrimas. Eu acho.

WORRY NO MORE (feat. Rick Ross) :star1: :star1: :star1: :star0: :star0:
Essa faixa tem um ritmo bem urbano, com cara de Jenny from the Block. Saca? Ela não é nem muito lenta, nem muito dançante e não chama muito a atenção. Para ser bem sincera, a parte da música que eu mais gosto é quando o Rick Ross canta, transformando a música em um rap. Só não ficou com menos estrelas porque eu gosto da parte em que ela canta “do anything that you can to make me feel so protected”… Hehehe! Fora isso, passa batido.

BOOTY (feat. Pitbull) :star1: :star1: :star0: :star0: :star0:
E daí vem a faixa que ela faz parceria com o Pitbull… O início é extremamente irritante, com um sample de uma voz feminina cantando “big, big, booty, what you got a big booty”. Em seguida, o Pitbull já lança algumas frases e daí a música assume um ritmo bem dançante, pop-eletrônico mesmo. O estribilho e os versos são bons, mas o refrão (com aquele sample do diabo) é um tanto pé-no-saco. A parte do Pitbull é boa também, com uma energia ótima para dançar e agitar. Para as pistas de dança é uma ótima pedida, mas para curtir nos fones de ouvido eu escolheria alguma outra coisa…

TENS (feat. Jack Mizhari) :star1: :star1: :star0: :star0: :star0:
E essa é mais uma música para a pista de dança. Se você colocar para tocar em uma festa, certamente vai ser um sucesso. Eu não curto ouvir música eletrônica, então essas faixas não me cativam muito. Não são ruins, mas não são meu estilo. Duas estrelinhas e já está mais do que suficiente.

TROUBEAUX (feat. Nas) :star1: :star1: :star1: :star0: :star0:
Com “Troubeaux”, nós voltamos para o tradicional da JLo, um pop dançante, mas com pegadas de hip hop. A música é boa, mas nada muito mais do que isso. Ela mantém o mesmo ritmo do início ao fim, sem muita alteração melódica e encorpa batidas mais fortes em alguns momentos. Ao fundo, podemos ouvir o som de um saxofone, o que a torna bem diferente do restante das faixas do álbum. É boa, mas não chega a ser uma favorita.

EXPERTEASE (READY SET GO) :star1: :star1: :star1: :star1: :star0:
E daí o álbum começa a chegar no fim, trazendo a divertida “Expertease (Ready Set Go)”, nome originado de uma brincadeira com as palavras “expertise” e “tease”. Dançante, mas não muito, essa música é bastante contagiante e te põe para cima. Dá vontade de dançar e aproveitar a vida como se não houvesse amanhã. Ela fala sobre desejo, paixão e, bom, sobre sexo, obviamente. A letra não é vulgar, nem nada, mas é bem ousada. Tipo, “Imma turn your body on, cause a marathon begins with passion and I don’t wanna wait another minute, we can do it standing up, gonna feel my love, one thing unites us, you know that our bodies are made for sinning”… Mas quem se importa? Põe no replay e já eras.

SAME GIRL (feat. French Montana) :star1: :star1: :star1: :star1: :star0:
Essa é a última música do álbum (versão deluxe) e já tinha sido previamente lançada promocionalmente. Ela tem uma vibe bem urbana, hip hop and street style. Imagino a Jen com aqueles tênis coloridos, calça larga, barriga de fora, argolas douradas gigantes e um boné na cabeça, sabe? E o intuito da música é justamente esse, dizer que ela continua sendo a mesma garota de sempre, a Jen “from the Bronx”. Acho que foi uma maneira bem legal de encerrar a coleção de músicas de “A.K.A.”, mostrando a todos que não importa como ela é chamada ou qual a denominação que dão a ela, ela continua sendo quem ela sempre foi. E para encerrar as participações, French Montana canta novamente com ela em “Same Girl”.

Novo álbum da JLO, "A.K.A."...

A.K.A. (2014)
Jennifer Lopez
:star1: :star1: :star1: :star0: :star0:
Com este oitavo álbum, a cantora Jennifer Lopez apresenta 14 músicas inéditas cheias de batidas de hip hop, R&B, num estilo pop bem dançante e animado. Ela conta com a participação de diversos artistas, incluindo Pitbull, French Montana e Iggy Azalea. Os destaques do álbum vão para as músicas “First Love”, “I Luh Ya Papi”, “Emotions” e “Let It Be Me”, sendo que as duas últimas são baladas e falam sobre o amor de uma forma bem romântica. Não considero o melhor álbum da cantora, mas ela teve sucesso com a escolha de algumas músicas, que prometem virar hits rapidamente. O fato de ela ter nomeado o álbum como “A.K.A.” diz muito sobre quem ela é e sobre a imagem que ela quer passar: a menina simples do Bronx, que ficou famosa, mas continua sendo exatamente do jeito que ela sempre foi.

Musa que é musa, sempre será musa. Aos 44 anos, ela continua linda de morrer (com um corpão de botar inveja) e sabe muito bem quais são seus objetivos. Adoro a voz doce dela e gosto da vibe nigga que ela transmite em suas músicas. Neste álbum, nem todas as faixas me agradaram em cheio, mas as escolhidas como minhas favoritas fizeram ele se tornar incrível e eu não consigo parar de ouvir. Mas fã é um pouco suspeito pra falar isso, certo?

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 comentários em "Viciando com o novo álbum da Jennifer Lopez…"
  • Lendo o seu post me deu a maior vontade de ouvir este novo álbum da JLo! <3
    Vou ouvir e depois falo o que eu achei.

    Estou de volta ao mundo blogueiro! :)

    B-jos, Fê!

  • “I luh ya papi. I luh ya papi. I luh ya, luh ya, luh ya, luh ya papi…” VICIEI (e olha que eu não sou fã da Jenn e nem escuto quase nada dela!).

    Eu não sou a melhor pessoa pra falar bem/mal sobre ela porque nunca parei pra ouvir os seus discos. Pouca coisa que eu conheço são as perfeitas parcerias com Pitbull (minha preferida é “Dance Again”, inclusive ouvia ela durante os treinos na kadimia).

    Eu já havia ouvido “First Love” e gostei. Vou dar uma chance pra Jennifer e ouvir o álbum inteiro.

    P.s.: Após ler a descrição de “Emotions”, fui correndo pesquisar a letra e… Caramba! Como a letra é forte, a voz dela lheeenda. #inlove

  • Adoro a J.Lo.! Ela é ótima cantora e ótima atriz! E esse corpo é dar inveja a qualquer uma :3
    Ainda não ouvi nenhuma do álbum, mas sem dúvida, fiquei curiosa pra conhecer! Vou ouvir!
    Beijos!

  • J. Lo é dyva sempre, não é? Boas as músicas. Algumas eu não tinha ouvido ainda!

    Cara, adorei teu blog aqui. É cheio de personalidade! Vim retribuir o carinho lá no PS e saí anotando o endereço para poder voltar!

    Beijão

  • AHHHHHHHHHHH
    Como assim??? Esse blog não era cheio de apples??? Gente mudou tudo!
    Achei lindo! Adorei mesmo, a escolha das cores e tudo mais! <3 Parabéns!

    Eu sempre gostei da JLo, mas depois da polêmica envolvendo e vou-não-vou dela na copa, confesso que criei meio pirracinha. Tanto que eu nem sabia que ela tava de álbum novo! Enquanto lia seu post resolvi escutar duas músicas e confesso que gostei, então vou me arriscar a baixar o álbum completo e ver no que dá. Agora, se posso opinar em alguma coisa com propriedade é que ela ta DIVA no photoshoot desse álbum! *-*

    Ps.: você me perguntou se tem algum vídeo meu dançando na net. Não tem porque eu também ODEIO me assistir! Então eu te entendo perfeitamente por você dizer que não quer se assistir, é mesmo bem traumático (sobretudo se você for uma pessoa que se cobre muito, como eu sou) hahaha

  • Eu não acompanho a carreira da JLo e nunca ouvi um disco inteiro, dela só conheço mesmo as músicas mais famosas, aquelas que passam na TV, nas rádios…
    Mas uma coisa que você falou é certo: ela tá linda demais mesmo, dá um show em muita menininha, pela apresentação dela na abertura da Copa a gente já tira….
    Já vi que tem esse álbum no Deezer, coloquei nos meus favoritos e vou ouvir depois…e sempre, afinal, música boa nunca é demais!
    Bjs, Fê!

  • Confesso que a JLo não é uma das minhas preferidas. Mas fiquei curiosa pra ouvir um pouco deste álbum depois da sua descrição das faixas. De repente eu viro fã também né?

    beijos Fê!