24 de novembro de 2011

Sobre meninos e meninas…

Desde sempre foi assim… Eu sempre tive mais amigos do que amigas. Não sei se foi porque eu cresci rodeada de meninos, jogando bolita, brincando de carrinho e jogando videogame, mas o fato é que eu sempre me dou melhor com os meninos. Tenho mais facilidade de ficar amiga de meninos e sempre me identifico mais com eles, tudo isso porque eu acho que meninas, em geral, são meio “frescas” e muito “cores-de-rosa”, e eu tô mais pra tomboy do que para lady in red

Acho que o meu jeito contribui bastante para isso. Sempre fui meio abobada, brincalhona e costumo não ter nojo ou medo das coisas que meninas geralmente tem. Meninas fofocam, meninos são mais parceiros. Meninas se invejam entre si, meninos protegem a pele um dos outros. Meninas são complicadas, meninos são objetivos e diretos. Meninas são temperamentais e instáveis, meninos são sempre iguais e estão sempre na boa. Agora você faça a matemática e me diga se ter amigos homens não é muito mais fácil?

Não vou dizer que não sou complicada (oi, eu entro em crise comigo mesma) ou que meu humor não muda de um segundo para o outro por questão de detalhe, porque eu estaria mentindo, mas a maneira como isso afeta meus relacionamentos é muito menor de como ocorre com os outros seres humanos do sexo feminino deste mundo. Na maioria das vezes, o conflito acontece comigo mesma, que entro em guerras com meus próprios pensamentos e sentimentos, em momentos de dúvida e confusão interna. Mas ó, parou por aí. Se a gente se dá bem e se sente bem juntos, eu sou tua amiga e pronto. Não preciso de mais nada.

E meninos são mais assim, fazem amizade mais fácil, cobram e esperam menos dos que consideram importantes para si. O importante é se divertir quando estão juntos e o resto é o resto. Sou assim também. E acho que seria tão mais simples se todo mundo fosse assim… Mulherzinhas são muito cheias de nhé-nhé-nhé e sempre fazem tempestade em copo d’água. Acho que isso explica o fato de eu ter muito mais amigos do que amigas, de me sentir mais confortável e confiar mais neles do que nelas. Com meninos eu posso ser eu mesma, brincar e falar bobagem, sem precisar me preocupar com isso. Em volta de meninas, você sempre tem que cuidar o que faz ou fala, porque tudo e qualquer coisa poderá ser usado contra você. Hahaha! Tá rindo? Mas é verdade.

A única desvantagem que eu vejo nisso é que você acaba se tornando “um dos caras” e perde o posto de “mulher desejo” para todas as outras meninas que se importam em fazer eles babarem aos seus pés. Mas por outro lado, você é a menina parceria, que eles sabem que podem contar quando precisarem, seja para desabafar ou para falar besteira juntos. Entre as duas opções, acho que prefiro continuar usando bermuda e tênis e jogando Call Of Duty em rede do que ser completamente meiga e caprichar no visual para fazer todos os rostos masculinos virarem ao passar por um local. Talvez eu não arranque suspiros de ninguém, mas eu sou game pra uma partida de Mario Kart ou para escalar um morro ou duna, sem me importar se vou sujar a roupa ou não… E aí? Vai ou racha?

Mas néam? Sempre vai existir aquela parcela da população masculina que vai achar bacana você ser assim, do jeito que você é, então não chego a me preocupar com isso. Eu sou assim e vou continuar sendo assim sempre. E não que isso importe, na verdade, mas eles vão continuar sendo a maioria na minha lista de amizades. Amigos de infância, amigos do colégio, amigos da faculdade, amigos do trabalho… Porque não importa quanto tempo passe, se os “amigos” gostam de você, você vai continuar sendo amiga deles para sempre. As “amigas” mudam de amigas, somem e você nunca mais ouve falar. Agora você faça a prova real e me diga se amigos homens não são para levar para a vida inteira? Os meus, eu já guardei.

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

25 comentários em "Sobre meninos e meninas…"
  • Eu até concordo que homens são bem mais simples e facéis de lidar do que as mulheres, mas eu acho que dá pra se manter “tomboy” sem precisar se livrar das amigas. Eu por exemplo me identifiquei com você, adoro jogar videogame (Call of Duty *-*), váárias vezes vou pra paint ball como a única menina dos times e não gosto de nhém-nhém, talvez até por eu ter dois irmãos acabei me simpatizando por essas coisas. Mas em relação a amizades, eu já tive alguns amigos, mas a maioria com certeza foram mulheres, e discordando de você, eu acredito que dá para conseguir “montar um grupo” de amigas descomplicadas também, kkkkk

    Adorei o post! Beijão :*

    • Oie @Deby, eu concordo contigo, sim. Obviamente, meninas também são ótimas amigas, tenho algumas delas que sei que vão estar sempre por perto quando eu precisar, mas só quis constatar mesmo que homens são menos complicados para isso e que eu tenho mais facilidade e propensão a ficar amiga deles. E também tem que considerar que existem outras mulheres no mundo como eu e como você (óbvio que eu não sou a única) e que existem amizades descomplicadas entre mulheres, sim… As minhas amizades com meninas são assim! São poucas, mas elas estão lá. Fico feliz que gostou do post. Um beijãozão pra você! =***

  • Engraçado que todo mundo costuma falar que é mais difícil se relacionar com meninas, mas eu não vejo assim. Acho que é porque, graças a Deus, nunca fui traída, enganada ou algo assim por uma amiga menina. Sempre tive amigos homens e amigas mulheres, e não sei se prefiro um mais do que outro. Meninos são sim mais fáceis de lidar, mas existe uma cumplicidade feminina, uma ligação forte, que tmabém acho diferente. Não vejo um melhor e outro pior não.
    Beijo!

    • @Anna, eu também nunca fui traída por alguma amiga bem próxima e tenho algumas que sei que vou levar para a vida toda. Mas dependendo do jeito da menina, eu não me identifico muito, então é mais fácil esta relação com os meninos… Mas, óbvio, depende de pessoa pra pessoa, pois existem meninas bem parecidas comigo e, geralmente, com estas eu me dou muito bem! ^^

  • Eu sempre pensei assim e sempre quis escrever sobre isso, mas nunca tive a oportunidade e agora se eu quiser falar sobre isso é só copiar e colar do seu blog. Rs VOCÊ ME DEFINIU! Eu sempre fui assim, sempre fui “molequinha”, sempre cheguei na casa do meu vô, sem frescuras, tirava a sandália, deitada esparramada no sofá, brincava no chão com meus priminhos e TENHO CERTEZA que sempre fui mais feliz que todas as minhas primas que se comportavam e cruzavam a perna para sentar com 9 anos de idade. Na escola, a mesma coisa, na faculdade (agora), nem se fala. Sempre rodeada de meninos e falando de tudo que você possa imaginar. Tenho amigas sim, mas não é a mesma coisa. É um saco sentar numa mesa cheia de meninas e ficar falando de roupa, sapato, cabelo, homens bonitos, apesar de serem todos ótimos itens para nossa vida. Eu só não PRECISO ficar vivendo isso a toda instante! Eu já até pensei em ir de PIJAMA pra faculdade, enquanto outras meninas ficam desfilando e passando 1 kg de maquiagem PRA IR PRA AULA! Me poupe! Eu sou muito, mas muito mais feliz assim, tenho certeza!

    • Sério @Fernanda Faria Pasqualeto? Nossa… Este teu comentário é um complemento para o meu post! Acho que somos bem parecidas neste aspecto então! Adorei que encontrei alguém como eu, coisa boa, né? E tenho certeza de que nossas vidas sem estas frescuras são bem mais legais mesmo! o/

  • É bem isso mesmo! Eu tenho poucos amigos, mas eles valem por uma multidão de colegas! O meu melhor amigo é o meu primo, que também virou amigo do meu noivo! É tão gostoso chegar na casa dele e ficar lá falando bobeira com ele e com a esposa dele! Parecemos quatro crianças conversando! Muito gostoso!

    Já minhas amigas mulheres não são de nhé-nhé-nhé também… Amo todas elas!

    Beijinhos

    • @Fernanda, é verdade! É uma delícia ficar falando bobeira e se divertir com as coisas mais simples, né? Eu adoro… E sim, tenho algumas amigas que também não são de nhé-nhé-nhé e adoro sair e conversar com elas! :)

  • Eu sempre fui de fazer amizade fácil, mas com as meninas. Na hora de chegar e ser amiga de um menino era mais complicado pra mim, mas durante a vida fiz alguns amigos, que são hoje meus irmãos, meus companheiros, aqueles que eu posso falar besteira no msn, chamar pra pedir conselho (e dar conselhos também), sair pra fazer tour de fotografia, ser ‘game pra uma partida de Mario Kart’ (ok, não chegamos a esse extremo, mas eles vem pra cá brincar com o Wii)… Tenho alguns amigos homens que hoje eu não trocaria a amizade por nenhuma mulher!
    Já tive casos de amizade que foram destruida por uma certa paixão platônica (dele por mim – a gente até ficou mas eu me arrependi e depois de anos tentamos retomar a amizade mas ele me ignorava completamente e eu desisti dessa amizade) e de outra que foi mais do que superada (eu gostava dele, a gente ficou uma vez e depois virei a conselheira amorosa dele)!
    Corremos esse risco quando falamos de amizade entre homem/mulher, mas é parte da vida e tenho sorte dos meus amigos serem meus irmãos!
    ;*

    • Oie @Renata! Legal saber que tuas amizades com meninos são bem fortes… Acho que se a amizade é verdadeira, os homens sabem ser bem leais e sinceros com a gente. Valorizo bastante isso! E é muito bom quando você quase enxerga seus amigos como irmãos mesmo, eu tenho um assim… Que eu protejo até dizer “chega”. Adoro ele demais! <3 Depois quero conversar mais contigo! Me passa teu MSN? Beijo! =***

  • Não gosto quando falam, que é mais fácil ser amiga de homem, sei la…eu acho que levo para o lado pessoal, e fico ofendida com isso haushaushaus
    Mas, o pior que é verdade
    “Com meninos eu posso ser eu mesma, brincar e falar bobagem, sem precisar me preocupar com isso”
    Eu amo moda, e acabo tendo mais amiga mulher, pq falo muitoo e mudo assunto muito rápido, a combinação disso = eu vou acabar falando de moda na conversa kkkkkk
    Eu tenho meus momentos moleca e patricinha kkkk ~ por esse motivo acho que acabo perdendo muitas “amizades”, pq não costumam respeitar muito bem isso, ou é uma coisa ou outra =P engraçado é que isso parece começar a irritar a pessoa depois de um tempo, me pergunto se essas pessoas acham que apenas uma fase =P ~ e meus amigos super respeitam meu momento falando de moda, e a maioria não ler NADA de moda, fica com a cara “ela tá feliz (ou quer desabafar), então deixa falar, apesar de eu não saber do que ela está falando” quando percebo ai mudo de assunto kkkkkkkkkkkk

    • @Priscila! Dei risada aqui com o teu comentário, hehehe… Tu sabe que eu sou meio que nem você assim! Eu sou meio moleca, mas tenho os meus momentos de menininha. Gosto de me vestir bem, usar salto, mas isso não altera a minha personalidade, que continua sendo meio criançona… Também adoro moda, apesar de não ser fissurada, mas não faz parte dos meus assuntos diários, que são música, seriados, filmes e videogame… Mas legal da parte dos seus amigos deixarem tu falar, mesmo que eles não entendam nada. Amigo também serve para isso, para aturar nossas manias e loucuras! Adorei o comentário! Beijo, beijo! ^^

  • Bom.. amigos de verdade realmente são pra levar pra vida inteira. E eu também amo jogar videogame! ahaha Não que seja mais fácil ser amiga de homem, acho que existem pessoas de fácil convívio!

    Beijo.

    • Concordo @Juli, existem pessoas de fácil convívio, independente do sexo. Mas ainda acho que os homens são menos complicados e mais abertos para fazer amizades! Se vocês tem coisas em comum, acho que vale a pena investir… E isso vale tanto pra menino quanto pra menina, néam? Beijo, beijo!

  • Hey Fê ^^

    Tenho que concordar contigo – estava pensando aqui e colocando na balança tenho muito mais amigos homens de fato!!
    Talvez a maneira de ser total – calça , camiseta com meu converse uiii esse é meu estilo – não é que não goste de um vestido, mas seu uso é pouco. Quero dizer que sou mais “borá lá” que “não, sei não”…

    Xxx

    :: Loma

    • Oie @:: Loma! Pois é… Acho que meninos tem esse jeito mais extrovertido e “à vontade” de ser e isso eu me identifico bastante. Apesar de que não deixamos de ser um tanto femininas quando queremos, né? Eu adoro me arrumar e usar salto, mas continuo sendo meio moleca no meu jeito de ser, o que me aproxima mais facilmente dos meninos… :)

  • Oi Fê.
    Vou te dizer que eu sou muito menininha. Sou fresca, medrosa, meiga, complicada, cheia de mimimi MAS por íncrível que pareça, raramente você vai me ver rodeada de meninas. Eu só tenho uma amiga que considero amiga de verdade.
    Mas meninos são maravilhosos, não é a toa que eu OS amo. Amo meus amigos. E embora eu seja toda girly, eu consigo me adaptar a qualquer ambiente onde eles estejam, consigo conversar sobre quase todos os assuntos com eles (até mesmo um pouco de futebol e carros), e até comento que aquela “gostosa” é gostosa mesmo hahaha
    Também acho que tem o lado ruim, que é não ser vista como mulher desejo por eles, mas eu também não os vejo como homis desejos então tá tudo certo xD
    Eu adorei esse post, me identifiquei com algumas partes.

    • Oie @Patrícia! Adorei teu comentário… Hehehe! Para algumas coisas eu sou bem girlie também, mas no geral sou mais tomboy do que menininha… Mas acho que a gente se daria bem! Também adoro meus amigos homens, mas fico um pouco de cara quando eles ficam babando por gurias na rua… Nada contra que olhem e achem gostosas, mas podem ao menos disfarçar, né? Se o comentário for para o grupo todo, também falo se acho bonita ou não… Mas depende do momento e da babação de ovo! Hahaha! :)

  • Eu sempre achei mais fácil lidar com meninos e grande parte dos meus amigos é composta pela raça masculina. Eu adoro videogame (Wii \o/), faço cosplay, leio mangá e sou nerd! Mas também tenho as minhas amigas mulherzinhas para aqueles momentos em que você quer fofocar sobre alguma coisa, pedir uma pizza, um conselho que tenha uma visão feminina implícita (como mais observadoras do que eles) e receber alguém em casa usando um moletom velho e largo porque estou com cólicas demais pra usar roupa justa.

    Eu me considero uma pessoa equilibrada nesse aspecto: faço muitas coisas que meninos fazem e não tenho medo de algumas cosias que as meninas frescas tem – ja apanhei sapo na lagoa (hahahaha adooooooro) – mas sempre tendo fazê-las de um jeito feminino e delicado, pra não virar um “cara”. Acho isso perigoso… Não por que você deixa de ser objeto de desejo, mas porque homem que te trata exclusivamente como homem perde o respeito por você ou pode vir com brincadeiras estúpidas (isso, claro, depende da maturidade do cara… E ela nunca é muito grande). Eles são fáceis de lidar, mas se perderem o respeito a coisa desanda. Acho que é necessário um equilíbrio saudável.

    Ah! Obrigada pelo comentário no meu blog =D

    • @Beca, concordo contigo. A gente pode ser meio “menininho”, mas não pode fazer desaparecer todo o lado feminino. Para algumas coisas, a gente sempre vai ser mais sensível e “fresquinha” do que eles… Acho que tem que haver um equilíbrio mesmo! Também acho que em algumas horas, só uma mulher para te entender, mas para todas as outras, os homens representam bem o seu papel. Tenho alguns amigos sem noção também, que acabam te tratando como um “cara”, mas alguns deles não entram para a lista de “amigos para sempre”… Mas os que entram, eu não quero me desfazer nunca! ^^

  • Acho que meninos são mais abertos pra novas amizades do que meninas. Meninas geralmente já tem um círculo meio que fechado de amizades, é difícil pra quem tá de fora se enturmar. Acho que existem casos e casos, sabe? Eu cresci em cidade pequena, então a maior parte das minhas amigas cresceram comigo e nós temos uma ligação muito forte e tenho a sorte de que nós somos todas molecas, rsrs. Com a gente não tem muita frescura também, não.
    Quando eu me mudei da minha cidade senti mais facilidade de fazer amizade com meninos, porque com as meninas realmente tinha aquela coisa de círculo fechado e uma coisa que não era bem inveja, mas parecia, rsrs.
    Eu tenho vários amigos e amigas, mas uma coisa eu sinto… Eu não tenho liberdade e facilidade pra falar com eles sobre todos os assuntos do mundo, como eu tenho pra falar com elas. Acho muito bom ter amigos porque eles são realmente mais descomplicados, são sinceros sem dificuldades e realmente cobram menos, mas, pelo menos eu, tenho mais cumplicidade com as meninas, talvez por termos crescido juntas.

    Beijo!

    • @Lys, concordo em gênero e em grau com você. Na verdade, teu comentário foi meio que uma explicação para o meu post, pois é por exatamente isso que a amizade com os homens é mais fácil… Eles são mais abertos e mais fáceis de lidar! Mas existem amigas meninas muito queridas mesmo, e estas a gente vai guardar com carinho também, né? Independente do sexo, se a gente sabe que pode confiar, vale a pena guardar pra sempre! Beijo, beijo! :)

  • Olha, eu não vou dizer que não adoro mulherzices e nem que não sou nem um pouco fresca, mas quando eu era mas nova, também me aproximava mais dos meninos do que das meninas e isso, querendo ounão, atrapalhava quando eu queria “pegar” algum deles pq, né, eu era a “amiguinha”, a “irmãzinha”, não a “objeto de desejo”…
    Não sei se você sabe, mas trabalho numa fábrica, onde pelo menos 80% dos funcionários são homens 9incluindo meu namorado) e, meu Deus, como é mais fácil trabalhar assim! menos fofoca, menos encrenca, menos ciuminho bobo… heh

  • Já tive época de achar que só ia ter amigos homens pq era mt + fácil de conviver com eles. Hj em dia acho q depende mt da pessoa. Tenho amigas muito macho e amigos muito frescos (e nem conto os gays!), oq importa é a diversão qd estamos juntos. Concordo que em tese hm é + prático e preto no branco, mas as vezes irrita q eles não entendam nuances de cinza ou q não queiram se meter no seu momento ruim. Pq as vezes é necessário q alg simplesmente te de um ouvido pra desabafar! Mas enfim, tenho poucas amigas q são mt cor de rosa, as mt complicadas as vezes me irritam, haha, gosto daquelas q tacam o foda-se pra dieta e se acabam na sobremesa gorda cmg=P

  • qdo mais nova eu era bem assim, mas o tempo me fez mudar. Não acho isso bom, sempre preferi os amigos homens, mas as vezes a vida nos coloca em situações e nos faz mudar. Hj tenho mais amigas mulheres e gosto disso. embora sinta mta falta da minha trupe de amigos meninos :)