19 de julho de 2015

Sia, minha nova paixão musical

Dois mil e onze foi o ano da Adele para mim. Dois mil e doze, Demi Lovato. Dois mil e treze, All Time Low. Dois mil e quatorze, Ed Sheeran. E, agora, minha nova paixão musical se chama Sia… Ou melhor, Sia Kate Isobelle Furler.

Sia Furler

A cantora chamou minha atenção quando lançou o hit “Chandelier”, que foi uma das músicas mais tocadas do mundo ano passado. Quando eu assimilei que também era ela quem cantava a música “Titanium”, do David Guetta, eu corri atrás de mais informações. Gostava bastante da voz dela, meio arrastada, arranhada, instável, quebrada e aguda ao extremo em alguns momentos. E foi quando eu encontrei o último álbum da cantora, chamado “1000 Forms of Fear”, e morri de amores na mesma hora. “Chandelier” tocou no meu player repetidamente por muito tempo…

Sia Furler, ou apenas Sia, é uma cantora e compositora australiana de 39 anos. Tornou-se mais conhecida no cenário musical após gravar “Titanium”, com o David Guetta, e “Wild Ones”, com o rapper Flo Rida. Em 2014, com a lançamento do seu sexto álbum de estúdio, alcançou o ápice de sua carreira, com o sucesso mundial de “Chandelier”. Mas a história da cantora começou muitos anos antes, desde suas colaborações com o grupo inglês Zero 7. Além disso, é a compositora por trás de várias músicas de outros artistas famosos, como Christina Aguilera, Katy Perry, Beyoncé, Britney Spears e Rihanna, para quem escreveu o hit “Diamonds”.

Sia Furler

A música “Chandelier”, que recebeu 4 indicações ao Grammy, rendeu em um belo ba-fa-fá sobre a cantora. Tudo porque ela resolveu não cantar a música de frente para o público, em nenhuma circunstância… Ela sempre entoa os versos da canção de costas ou em uma parte não visível do palco. E não vamos entrar no mérito das perucas estranhas também. A explicação para isso é que, além de ser uma música extremamente pessoal, a cantora revelou que não tem o mínimo interesse em se tornar famosa ou reconhecida. O que ela quer é escrever músicas de qualidade para outras pessoas e viver apenas disso. Bom, tarde demais para isso, certo?

Além das 12 músicas de “1000 Forms of Fear”, que são incríveis, a cantora também tem algumas outras mais antigas que são muito boas, como “Buttons” e “Soon We’ll Be Found”. Para a Britney Spears, ela compôs 2 das minhas músicas favoritas na voz dela: “Perfume” e “Passenger”. Acho ambas sensacionais! Adoro as quebradas da voz dela, essa qualidade meio “crua” da cantora… E apenas para constar, prefiro mil vezes “Diamonds” (da Rihanna) na voz da Sia. Lalala!

Quero fazer o review deste último álbum dela aqui no blog, mas, enquanto isso, deixo vocês com a música que é a trilha sonora do meu 2015: Elastic Heart. O clipe conta com a participação do ator Shia LaBeouf (me abana!) e da Maddie Ziegler, a mesma menininha que estrela os clipes de “Chandelier” e “Big Girls Cry”. Essa música representa muito do que eu sinto e me dá uma força para seguir em frente, independente do que eu estiver passando. É uma fonte de inspiração para mim… Dá o play!

And another one bites the dust
Oh, why can I not conquer love?
And I might have thought that we were one
Wanted to fight this war without weapons

And I wanted it, I wanted it bad
But there were so many red flags
Now another one bites the dust
Yeah, let’s be clear, I’ll trust no one

You did not break me
I’m still fighting for peace

Well, I’ve got thick skin and an elastic heart
But your blade, it might be too sharp
I’m like a rubber band until you pull too hard
Yeah, I may snap and I move fast
But you won’t see me fall apart
‘Cause I’ve got an elastic heart

Enfim, quem me acompanha no tuinter, já deve ter percebido que eu sempre digo que vou ouvir Sia quando preciso me inspirar ou me concentrar… Ela tem esse poder de me trazer de volta de onde eu estou e me motiva de formas que eu nem sei explicar. A única coisa que eu sei é que eu agradeço a ela por poder colocar músicas como “Elastic Heart”, “Hostage”, “Free The Animal” e “Fire Meet Gasoline” bem alto nos meus fones de ouvido e acreditar que tudo ainda vai dar certo nesta vida.

Estou te amando em todos os decibéis possíveis, Sia.

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta para Camila Faria Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 comentários em "Sia, minha nova paixão musical"
  • Sia é minha paixão faz é tempo :D
    Adoro as músicas, adoro os clipes, adoro a polêmica de não querer se mostrar, adoro a Maddie Zigler hahahaha Tudo que diz respeito a Sia, tô curtindo :)