20 de setembro de 2009

Livros, livros e mais livros

Eu virei uma máquina de comprar livros! Ou quase isso… Colocando em números, só nestes 6 meses morando em Toronto eu comprei 15 livros! Uhum, podem me chamar de louca, mas eu adoro ler! Vocês precisam ver a minha felicidade quando eu entro em uma livraria e fico horas bisbilhotando… Melhor ainda é sair de lá com um livro comprado! Daí eu sou só sorrisos… Acho que peguei esta paixão lá de casa, porque minha família toda gosta de ler: pai, mãe, irmã e irmão.

Mas o que eu queria contar é sobre uma escritora que eu descobri quando eu cheguei aqui e virei leitora fiel. O nome dela é Emily Giffin, ela é norte-americana, nascida em 20 de março de 1972, em Baltimore, Maryland (esta cidade deve ser encantada, só pode!). Na época de escola, ela participava do grupo de “Creative Writing” e era editora-chefe do jornal da escola. Em 1997, Emily se formou em Direito, mas largou a advocacia em 2001, quando se mudou para Londres, para se dedicar à escrita. Atualmente, com 37 anos, Emily é casada, mãe de três filhos e mora em Atlanta, Georgia, nos Estados Unidos.

“Something Borrowed” é o primeiro livro que ela escreveu e foi o primeiro livro que eu comprei aqui em Toronto. O livro conta a história de Rachel White, que no dia de seu aniversário de 30 anos, acaba indo para a cama com o noivo da sua melhor amiga, Darcy. Este é um daqueles livros que você começa a ler e não consegue mais parar. Não importa se são 4 horas da manhã, seus olhos já não param mais abertos e sua mão já está dormente de segurar o livro, você continua lendo porque precisa saber o que vai acontecer em seguida…

Só para vocês terem ideia da minha animação com o livro, eu cheguei a matar aula do meu curso de inglês para ficar lendo o livro do lado de fora da sala. Mas não contem pra ninguém, ok?

Depois que eu terminei de ler este livro, eu fui na livraria de novo comprar o segundo, que eu já tinha visto por lá. “Something Blue” continua a história do primeiro, porém contada sob a perspectiva da outra personagem, neste caso, Darcy Rhone. Admito que foi difícil ler o início, porque eu não gostava da personagem por causa do primeiro livro, mas a autora é tão boa que no final do livro você já está torcendo pelo final feliz da personagem “mala” também.

Depois destes dois, a Emily escreveu “Baby Proof” (que eu já comprei, mas ainda não li) e “Love The One You’re With” (que chegou esta semana da loja que eu comprei e eu já comecei a ler). Este último parece ser muito bom, porque eu recém cheguei no quarto capítulo e já estou super curiosa pra saber como a história desenrola. No site da autora, diz que em 2010 sai o próximo livro dela, que se chama “Heart of The Matter”, que eu não sei como ainda, mas eu vou dar um jeito de comprar assim que for lançado…

Para quem gosta de histórias a la Marian Keyes, Meg Cabot e Sophie Kinsella, indico que leiam Emily Giffin também. Você encontra edições em português do primeiro e do quarto livro, que se chamam, respectivamente, “O Noivo da Minha Melhor Amiga” e “Ame O Que É Seu”. Estes você pode comprar na Livraria Cultura ou no Submarino. Os outros livros, por enquanto, acho que só comprando importado mesmo, pelo menos enquanto não sai em português. Pra quem não se importa em ler em inglês, podem comprar sem medo, que a linguagem é bem simples de entender e você não vai precisar de um dicionário ao lado pra traduzir as 15 palavras da frase que você não entendeu… Hehehe!

E a notícia boa é que eu descobri que “Something Borrowed” e “Something Blue” vão virar filme. A atriz Hilary Swank comprou os direitos dos livros para lançar a versão da história para as telinhas. O filme ainda não tem data para ser lançado, mas a que tudo indica, quem vai interpretar o papal de Rachel White é a própria Hilary. Legal. A questão toda é quem vai ser o bonitão que vai fazer o papel do noivo, Dex Thaler? Só esperando pra ver… :tongue:

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *