7 de fevereiro de 2015

Filme: “O Destino de Júpiter”

De uns tempos para cá, eu andei indo bem pouco ao cinema… Com as indicações do Oscar, eu resolvi me atualizar um pouco sobre os filmes que estão saindo agora e passando em cartaz nos cinemas daqui. Ontem de manhã, eu decidi que ia sair para assistir um filme de noite, porque eu precisava arejar um pouco a cabeça. E fui sozinha mesmo, como sempre. Conferi todos os filmes que estavam em cartaz e fiz uma listinha dos que eu queria assistir. Obviamente, “O Destino de Júpiter” (ou “Jupiter Ascending”) ficou em primeiro lugar, simplesmente porque juntaram dois dos meus atores hollywoodianos favoritos em um filme só: Channing Tatum e Mila Kunis.

O Destino de Júpiter

O filme conta a história de Jupiter Jones (Mila Kunis), uma empregada doméstica comum que vive ilegalmente nos Estados Unidos, vinda da Rússia com sua família, após a morte de seu pai. Bom, mas isso é o que ela acha… Na verdade, ela é descendente de uma linhagem real e, por direito, a dona do planeta Terra. Para não deixá-la ocupar este posto, Lorde Balem manda alguns de seus subordinados para matá-la e continuar usando os recursos do planeta ao seu favor. No entanto, Caine Wise (Channing Tatum), um ex-militar alterado geneticamente, que tem como missão levá-la para assumir o seu lugar de direito, aparece para salvá-la no último segundo. Até conseguirem tudo o que precisam para torná-la Rainha da Terra, ambos são perseguidos e vivem juntos vários momentos de perigo, pavor (por parte dela), coragem (por parte dele) e pitadelas de romance.

Para começar, o filme se passa em Chicago. Antes mesmo de eles citarem o nome da cidade, eu já tinha a reconhecido. Em meio a lutas, dá para reparar na beleza da cidade, como o seu famoso skyline, os prédios mais importantes e o belíssimo Rio Chicago, enquanto a mesma é destruída. Eu fiquei bem encantada com o que vi e ainda mais apaixonada pela cidade. Ainda bem que tudo foi destruído só de mentirinha…

Mila Kunis e Channing Tatum

Mila Kunis e Channing Tatum

A química entre Mila Kunis e Channing Tatum já é percebida logo no início do filme… Talvez seja porque eu gosto muito de ambos os atores, mas achei que eles combinaram perfeitamente. A atuação dos dois também está muito boa, apesar de que acho que a surpresa fica por conta do ator Eddie Redmayne, que interpreta o Lorde Balem. Channing Tatum exibe um corpo incrível em diversas cenas sem camisa (além daquela boca maravilhosa que ele tem, néam?) e a fofa da Mila Kunis está linda no filme inteiro, principalmente na cena com a roupa branca e vermelha de seu casamento com Titus (Douglas Booth). O filme é de encher os olhos…

Channing Tatum

Mila Kunis

Mila Kunis

Achei a história muito louca no início, mas depois as coisas começaram a fazer sentido. Você não consegue desgrudar os olhos da tela em nenhum momento, por todos os 127 minutos. As cenas que mostram os outros planetas, universos e naves são muito bonitas e os efeitos especiais são muito bem feitos, deixando o filme bastante real, apesar de ser uma história de fantasia e ficção científica. Gostei bastante e poderia tranquilamente vê-lo no cinema novamente. E ah, assisti em 3D e achei que valeu a pena. Levei alguns sustos (de pular da cadeira, literalmente) no meio de algumas lutas… Foi bem legal! #sqn

Channing Tatum

Para mim, a última cena foi a melhor do filme inteiro… Sabe quando você vê algo e aquilo mexe com você lá dentro? Não tem como explicar. Pode ser que isso tenha sido pelo combo de meus atores favoritos juntos, mas eu cheguei a sentir um calafrio quando vi a cena… E saí do cinema com vontade de repeteco e meio abobada, achando aquilo muito fofo. E digo que foi um detalhe bem particular que deu o toque especial… E então ela fala “I think I can get used to this”. Morte lenta para mim… Hahaha! Amei! Cinco estrelas, quero ver de novo e já quero comprar o DVD! Eu sou suspeita para falar, mas é só amor esse filme… :love:

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 comentários em "Filme: “O Destino de Júpiter”"
  • Mais um filme dos irmãos Wachowskis, é de se esperar sempre uma grande evolução visual, cenas plásticas e com muito efeito.

    Sei lá, vi o trailer e ele não me chamou muita atenção. Em parte pela minha antipatia com a Mila Kunis [sou um dos poucos caras do mundo que acha ela normal/feia]. Mas agora que eu li os seus relatos, bateu uma vontade de ver.

    Mas vou esperar a TV a cabo.

    Bjos

  • Oii Fernanda, tudo bem?? Nossa, quanto tempo que eu nao venho por aqui. Mas nao se “preocupa” nao, foi geral. Andei meio sumida da blogosfera por questoes pessoais. De qq maneira acho que vc nem lembra de mim…sou uma antiga leitora do seu blog, lia a alguns anos, nos falavamos pelo msn e tdo mais, mas dei uma sumida.
    De qq maneira fico feliz por voltar aqui e te encontrar blogando pois eu gostava mto do seu cantinho.

    Sobre o filme, estah na minha lista de filmes a assistir….

    Beeeijo!!!