20 de agosto de 2016

As próximas leituras do ano…

Ok, vamos começar o post falando as verdades: eu prometi que leria leria 30 livros este ano e o fato é que eu parei no quinto, lá em meados de março, e não dei continuidade à minha eterna #maratonaliterária… É difícil manter o hábito da leitura quando tudo está de cabeça para baixo e você não tem tempo (ou ânimo) para sequer pegar um livro na mão.

Leituras para o segundo semestre de 2016

Eu sei que não conseguirei alcançar a minha meta, mas vou tentar fechar o ano com, no mínimo, uns 10 livros, néam? Acho que ainda consigo esse terço de meta. Agora que as coisas estão mais calmas e se acertando (obrigada, senhor!), estou mais tranquila para retomar as minhas leituras… Inclusive, já escolhi meus próximos títulos.

“The Catcher in The Rye”, de J.D. Salinger

"The Catcher in The Rye", de J.D. Salinger

Não sei se eu leria esse livro por livre e espontânea vontade, mas ele foi parar na minha lista de leituras porque foi citado no seriado Dawson’s Creek (assim como “Little Women”, da Louisa May Alcott, que eu já li há algum tempo) e me deixou curiosa… Já comecei a leitura e estou gostando bastante da narrativa do J.D. Salinger, que é um dos escritores mais conhecidos da literatura norte-americana. Ainda estou no início, mas estou gostando. O jeito como ele escreve é tão real, que quase te faz ouvir o personagem falando e te envolve na cena. Fantástico!

Sinopse: O livro narra um final de semana na vida de Holden Caulfield, um garoto de 16 anos que acaba de ser expulso do internato onde estudava. Antes de voltar para a casa dos pais, ele embarca em uma curta viagem para tentar entender o que se passa em sua própria cabeça… O livro retrata a confusão, angústia, alienação e revolta na fase da adolescência, ilustrados na pele do anti-herói, Holden Caulfield. “O Apanhador no Campo de Centeio”, título em português, é um dos principais romances da literatura jovem norte-americana até hoje e o protagonista virou símbolo da rebeldia adolescente.

“Orgulho e Preconceito”, de Jane Austen

"Orgulho e Preconceito", de Jane Austen

Eu nunca li nenhuma obra da Jane Austen. É vergonhoso, eu sei, mas é a verdade. Estou até hoje fugindo do filme também, porque queria ler o livro primeiro — mas eu achei a versão em inglês do livro bem complicada de ler (por conta da linguagem de época e aquela coisa toda). Comprei esta edição em português há poucos meses e agora já poderei riscar esse item da minha lista de 101 Things In 1001 Days. Espero gostar e já estou animada para ler outros títulos dela!

Sinopse: A história mostra a maneira como a personagem Elizabeth Bennet lida com os problemas relacionados à educação, cultura, moral e casamento na sociedade aristocrática do início do século XIX, na Inglaterra. Elizabeth é a segunda de 5 filhas de um proprietário rural na cidade fictícia de Meryton, em Hert­fordshire. Quando os senhores Bingley e Darcy chegam à cidade, todas ficam em alerta: eles são solteiros, bonitos e ricos. Com diálogos inteligentes, personagens grandiosos e a medida certa de ironia, “Orgulho e Preconceito” não é apenas mais uma típica história de amor. É uma obra de arte!

“A Garota Que Você Deixou Para Trás”, de Jojo Moyes

"A Garota Que Você Deixou Para Trás", de Jojo Moyes

Sim, por favor, mais uma obra da Jojo Moyes na minha vida. Já li dois (ótimos) livros dela e tenho outros títulos esperando para serem lidos também… O da vez é este! Estou começando a achar que ela vai virar uma das minhas autoras favoritas, junto com as incríveis Emily Giffin e Sophie Kinsella. Espero que este livro seja bom também… Nem comecei a ler ainda ainda, mas já tenho certeza que será! :love:

Sinopse: Durante a Primeira Guerra Mundial, Sophie Lefèvre vê seu marido ir embora para lutar no front e agora está vivendo com seus irmãos e sobrinhos em sua pequena cidade natal, que está ocupada pelos soldados alemães. O retrato que pintou dela, sua única lembrança dele, é o que a faz arriscar tudo por uma chance de vê-lo novamente. Em Londres, quase um século depois, a jovem viúva Liv Halston mora sozinha em uma casa com paredes de vidro. Ela ganhou do marido, antes de sua morte prematura, um retrato de uma jovem, que ocupa um lugar de destaque na sua casa. Quando Liv finalmente parece disposta a retomar a vida, um encontro inesperado vai revelar o real valor da pintura e sua trajetória conturbada. Ao embarcar na história da bela moça do quadro, Liv vê sua própria vida virar de cabeça para baixo de novo.

“O Menino do Pijama Listrado”, de John Boyne

"O Menino do Pijama Listrado", de John Boyne

Este é mais um título que estou fugindo do filme, porque quero ler o livro primeiro… Paquerei o livro por meses e meses na estante da livraria e o comprei há alguns anos, finalmente. Apesar de não ser o meu tipo de enredo favorito, vou abrir uma exceção e ler a obra mesmo assim, porque ouvi comentários fantásticos sobre a história. #oremos

Sinopse: Bruno tem 9 anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os judeus. Ele também não sabe que seu país está em guerra e, muito menos, que sua família está envolvida no conflito. Bruno apenas sabe que foi obrigado a abandonar a casa em que vivia em Berlim e mudar-se para uma região desolada. Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e, para além dela, centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com um frio na barriga. Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel, um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo dia que ele. A cada dia que sua amizade se intensifica, Bruno vai aos poucos tentando elucidar o mistério que ronda as atividades de seu pai.

Depois de terminar estes quatro, vou escolher mais alguns da minha estante… Ano que vem, se tudo der certo, vou bater minha meta de 30 livros no ano. Deixa pra mim! Agora é foco na leitura! E foco na escrita também, porque ler me inspira a escrever e o meu livro está me esperando:wink:

BEDA Agosto 2016

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 comentários em "As próximas leituras do ano…"
  • Eu também demorei um tempão pra ler os livros da Jane Austen (só fui mesmo pegar no ano passado), e acabei me desmotivando um pouco no começo, por conta do estranhamento com a forma mais antiga do inglês que ela usa. Mas nossa, ela é maravilhosa e esse livro merece toda a fama que ele tem!! Espero que você leia ele logo e que seja uma experiência ótima. Depois que eu li Me Before You e amei, também to louca pra ler mais livros da Jojo Moyes <3

  • Eu queria ler 100.
    Estou no 28 (e meu ritmo anda lento). Será que conseguimos atingir nossa meta? :O
    Boa sorte!!
    Nunca li Jojo Moyes (shame on me), nem Jane Austen (é eu sei, desonra para mim). Mas O menino do pijama listrado é lindo demais!
    Boas leituras!
    Bjuxxxx

  • Eu tinha me comprometido a ler 12, aí comcei a ir super bem e mudei pra 30 também…. só que lançaram Pokemon Go! Eu só lia no ônibus, mas agora eu fico capturando os bichos e não leio mais nada, que vergonha!

    Desses mesmo não li nenhum (mas lembro que a Rory cita o primeiro em algum episódio haha).

  • Achei Catcher in the Rye cansativo depois de um tempo. É empolgante mesmo no começo, boa sorte! Eu larguei o livro na metade e já nem lembro direito da história, não tenho coragem de voltar a le-lo, hahaha! Ganhei o Menino do Pijama Listrado de uma amiga e é super fácil e rápido de ler, apesar da temática pesada. Gosto da definição da minha amiga, de que é uma história de amizade. O filme é muito aquém do livro, mas leia primeiro!

    Eu comecei a reler Pride & Prejudice esses dias, não lembrava tanto da linguagem em inglês, acho que só consegui lê-lo no original porque já tinha lido tantas vezes em português antes. Vi uma edição muito linda na Saraia, mas tão cara T.T Apesar desse sero melhor livro dela, acho que os outros como Emma são mais fáceis de ler. Se cansar, tenta ler um dos outros pra se familiarizar, vale muito a pena ;)

  • Fe, vc usa o GoodReads? Lá vc registra seu desafio de leitura anual e acompanha dos amigos. Eu acho o máximo, adoro esse tipo de coisa! Ve se de repente não te ajuda a manter o ritmo :)
    Ah, e dica: O menino do pijama listrado é beeeem rapidinho, começa por ele pra vc se animar em relação aos números!

  • Eu tentei ler Orgulho e Preconceito em inglês também e achei complicadinho. Li em português e deu certo! Depois, se puder, assista à série da BBC com o Colin Firth como Darcy, é a melhor adaptação. O filme corta umas coisinhas, hehe. Depois procure também Razão e Sensibilidade, é ótimo!

    O Apanhador também gostei muito, gostosinho de ler! Os outros, não li! Boa leitura :)