25 de julho de 2014

8 dicas para ser mais feliz no dia a dia

Quem acompanhou minha saga dos últimos 3 anos sabe que eu passei por momentos bem baixo-astral e negativos, mas de alguns meses para cá eu me recuperei e voltei a ser a pessoa otimista e alegre que sempre fui. Acredito que é importante passarmos por fases mais difíceis em alguns momentos da vida, pois são elas que nos fazem amadurecer e aprender a lidar melhor com as situações que aparecem no meio do caminho. E tudo isso só nos torna mais fortes e mais preparados para enfrentar o mundo…

Pensando nisso, comecei a mudar algumas atitudes que estavam me impedindo de aproveitar a vida e de encontrar felicidade nas pequenas coisas. Porque ela está lá, nós que não enxergamos. Montei uma lista com 8 dicas bem importantes de hábitos que podem ser mudados facilmente e que fizeram bastante diferença para mim… É um simples passo a passo para dar a volta por cima e aprender a curtir todos os dias de nossas vidas, faça chuva ou faça sol.

Dicas para ser mais feliz no dia a dia...

1. Evite brigas e discussões

É muito simples: uma briga ou discussão, por mais boba que seja, pode estragar o dia de qualquer um. E pior, não leva a nada. Então uma boa solução é fugir de qualquer provocação, sair de fininho e deixar a pessoa “brigando” sozinha. Prefira o silêncio ao invés de ficar batendo boca. Se o assunto realmente precisar ser debatido, tente encarar o papo de forma amistosa, falando em um tom de voz baixo e calmo, sabendo o momento de desistir do argumento e não criando ainda mais polêmica. Além de evitar o estresse, você dormirá mais tranquilo sabendo que não disse nada que não devia no calor da discussão…

2. Ria muito (e ria de si mesmo também)

O que melhor do que uma boa dose de risadas para mudar o humor? Rir é o melhor remédio para afastar a tristeza e energias negativas. E você sabia que rir também queima calorias? Então ria muito, muito mesmo. Conte piadas, fale bobagens com seus amigos e colegas, assista filmes de comédia, leia livros descontraídos… Ria de você mesmo, dos seus erros, das suas trapalhadas e das decisões bobas que tomou. Como resultado, você se sentirá mais leve, esquecerá dos problemas e verá que existem muitas coisas legais por aí, mesmo que tudo não esteja exatamente do jeito que você gostaria.

3. Não sofra por antecipação

O maior problema das pessoas ansiosas é sofrer por algo que ainda nem aconteceu — e talvez nem aconteça. Por mais difícil que seja, tente não ficar pensando “e se isso”, “e se aquilo” e foque no que está acontecendo à sua volta agora, neste momento. Tudo acontece no seu devido tempo, independente da nossa vontade, desejo ou torcida. Sendo assim, não vale a pena se preocupar antes do tempo e perder preciosos minutos de vida para lamentar e chorar por algo incerto, que ainda não se realizou. Viva o presente e aproveite cada segundo dele.

4. Busque atividades que te façam bem

Manter-se ocupado é a melhor solução para não pensar em coisas ruins e nos problemas que estamos enfrentando. Mas mais importante do que isso, é escolher atividades que te deixem alegre e proporcionem prazer. Selecione o que mais combina com você, seja fotografia, música, leitura, videogame, dança, pintura, futebol ou o que for. Insistir no que você não gosta só vai te desmotivar mais. A receita é colocar pitadas de entusiasmo e motivação na sua rotina para que o seu ânimo volte com todo gás e te dê energia para fazer outras milhares de atividades.

Tenha por perto amigos que te fazem bem...

5. Mantenha pessoas positivas por perto

Cultive amigos verdadeiros e que te façam bem. Manter à sua volta pessoas negativas e que reclamam de tudo só vai contribuir para que você se sinta da mesma forma. Boas energias e vibrações positivas costumam contagiar quem está por perto, então escolha muito bem com quem você dividirá o seu tempo. Sair e conviver com pessoas alegres, divertidas e otimistas trará mais felicidade para a sua vida.

6. Tenha paciência

Não adianta choramingar, as coisas realmente demoram para acontecer… E o tempo é bastante relativo: quanto mais desejamos algo, mais parece demorar para aquilo se tornar real. O que se pode fazer é deixar o próprio tempo se encarregar dessas transformações maiores, das quais não temos total controle, e nos dedicar ao que está a nosso alcance. Tenha metas e as ponha em ação, mesmo que os resultados demorem a vir. Aos poucos, tudo vai se acertando e, quando você menos esperar, as mudanças chegarão.

7. Seja (um pouquinho) egoísta ocasionalmente

Não tenha medo de pensar em você em primeiro lugar, apenas o faça. Ser amável demais com todas as pessoas não vai trazer nenhum benefício para a sua vida, então não exagere na bondade. Faça o que acha certo para você, as coisas que gosta e diga “não” para o que não te interessa. A pessoa que mais se importa com você é você mesmo; foque nisto. Você não precisa magoar ninguém ou ser ofensivo e indelicado, apenas seja sincero com os seus próprios interesses. De nada vale querer fazer todo mundo feliz, se nem você mesmo está.

8. Reflita menos, viva mais

Ficar sentado e imaginando soluções para tudo o que acontece em sua vida não resolve nada, de fato. Arrisque mais e confie no seu taco. Você não precisa acertar sempre, então não seja tão exigente consigo mesmo. Afinal, errar é humano e é errando que se aprende. Não deixe de fazer o que gostaria para ficar pensando se deve ou não e qual a melhor forma de agir. Apenas aja. O tempo não para, então faça valer sua vida e suas escolhas agora.

São dicas bastante simples, mas que funcionam. Comece mudando aos pouquinhos e você perceberá melhoras significativas no seu estado de espírito. Claro que é impossível estar de bem com a vida o tempo inteiro, em alguns momentos você poderá se sentir triste ou cansado de tudo (o que é normal), mas estar rodeado por boas energias fará com que esses momentos não durem muito. Ser otimista pode ajudar bastante também.

Tente se concentrar no que é realmente importante e lembre-se de todas as coisas boas que você já tem, por menores que elas sejam. Ser grato por cada uma delas é o primeiro passo para mandar o desânimo embora e aproveitar cada dia de vida, porque o tempo de ser feliz é agora…

Gostou deste post?
(0)
Comente Este Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 comentários em "8 dicas para ser mais feliz no dia a dia"
  • Oi Fer, tudo bem?
    Seu blog tá muito lindo, amei as cores! :)
    Concordo com a sua lista, mas a que mais me chama atenção mesmo é a primeira. Porque eu sempre digo que dou um boi pra não entrar numa briga, mas infelizmente sou bem o tipo que dá uma boiada para não sair. Quando eu resolvo brigar eu esquento a cabeça e sempre falo mais bobagem do que devia. Não demora 1 hora e eu já to arrependida. To precisando demais aprender a deixar os outros brigando sozinhos, hahaha.
    Beijos!

  • Meu maior problema é o primeiro, pois tive uma criação MUITO diferente da tradicional brasileiro.
    Então já me estressei com algumas pessoas mesmo sabendo que no final não vai mudar nada continuo no assunto, mas me da raiva pq ainda a pessoa depois vai dizer q respeita culturas diferentes e odeia o preconceito ¬¬’
    Já riram de mim pq eu disse q nunca tinha imaginado comer pão com ovo junto –
    então para evitar estresse evito falar da minha vida para pessoas, mas as vezes eu esqueço essa regra e me estresso, mas é raro.
    Falando assim parece q sofri na escola, não, eu não sofri, tenho ótimas lembranças da escola, mas da faculdade…foi onde eu aprendi a não falar da minha vida.

  • Eu AMEI a sua lista e ela foi meio que um puxão de orelha. Eu costumo fazer todos os itens, exceto o ser um pouco egoísta. Isso faz com que a fuga de brigas ou qualquer outra coisa que eu tente fazer, eu não faça com toda a minha alma, pois estou sempre pensando no benefício do outro acima do meu. Preciso parar com isso. A vida já me mostrou inúmeras vezes que a gente só recebe ingratidão, quanto mais a gente se doa. Mas, eu acho que só aprendo batendo a cara no muro, né? <3333 Beijos!

  • Oi, Fernanda, é preciso viver para aprender a viver. Suas resoluções revelam maturidade. Há pessoas que levam muito tempo para entender que ser feliz é mais simples do que parece. Força e muita alegria pra ti, viu!
    Beijo, menina

  • Acho que tenho que começar URGENTEMENTE a praticar essas dicas, porque né… Os itens 3 (sofrer por antecipação) e o 7 (ser bonzinho demais) são os meus maiores problemas. Acabo me preocupando demais com quem está ao meu lado e esqueço de resolver as tretas da minha vida. No fim, minha vida vira uma bola de neve pronta para desmoronar a qualquer momento. Mas todo dia é dia de mudar, né?!

    Sobre o item 3, sofro até demais por antecipação e, infelizmente, não é só antes das provas da faculdade, é em tudo: vida pessoal, profissional… Mas eu mudarei. Tenho que mudar!

    Valeu pelas dicas, Fê! ;)

  • Oi Fernanda
    Essa sua lista veio bem a calhar para mim porque eu meio que ando nessa fase negra :s
    Alguns itens da lista eu já fazia sem notar, acho que é da minha própria personalidade, mas o item 4 eu tenho buscado propositadamente.
    Também concordo muito com o último item, pensar demais só deixa um vazio.

    Não sei a quanto tempo você está com layout novo, mas eu gostei bastante, está mais organizado e limpo, apesar das cores fortes.
    bj bj

  • Aprender a dizer não é uma das coisas mais importantes e mais difíceis, né? Demorei bastante até para conseguir recusar convites de amigos próximos – a vontade de agradar é sempre maior, mas como você disse: se a gente não está feliz, qual é o ponto? :)